segunda-feira, 19 de Janeiro de 2009

Conteúdos de 8º Ano (2º Período)

Renascimento e Formação da Mentalidade Moderna
Renascimento e Reforma

O Tempo das Reformas Religiosas
No século XVI desenvolveu-se, na Europa, um movimento de crítica e de contestação a alguns dos dogmas da Igreja Católica, assim como a certos comportamentos de elementos do clero. Foi neste ambiente de crise profunda da Igreja de Roma que surgiu a Reforma Protestante, à qual a Igreja Católica respondeu com um movimento de Contra- reforma.




Agora já sei...


1. Identifica os principais factores da crise em que a Igreja Católica se encontrava no princípio do século XVI.

2. Identifica alguns críticos desta situação de crise e as suas propostas de mudança.

3. Por que motivo ordenou Leão X, em 1513, uma campanha de concessão de indulgências?

4. Explica o que são as indulgências.

5. Com que argumentos se manifestou Martinho Lutero contra essa campanha de indulgências?

6. De que forma se podia obter a salvação, segundo Lutero?

7. Apresenta as principais propostas do protestantismo.

8. Nomeia as três igrejas reformadas do século XVI e respectivos fundadores.

9. Identifica as principais áreas de expansão da reforma protestante.

10. Quais os objectivos da convocação, pelo papa Paulo III, em1545, do Concílio de Trento?

11. Qual foi a importância do Concílio de Trento?

12. Aponta as funções da Companhia de Jesus.

13. Justifica a criação do Índex pela Igreja Católica.

14. Diz o que é a Inquisição.

15. Que papel desempenhou a Inquisição.

16. Qual foi o papel da Inquisição em Portugal?


Em finais do século XVI, O Império Português do Oriente entrou em decadência. Nessa mesma época, o Império Espanhol estava no seu apogeu. Esta situação, acompanhada de uma crise dinástica, levou a uma união ibérica em que os dois reinos tiveram um mesmo rei

Sem comentários: